Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Política

Contra repressão

Angola: UNITA convoca manifestação pacífica para 23 de Novembro

Luanda – A União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) anunciou que pretende manifestar-se no próximo sábado, 23 de Novembro, contra a repressão e abusos por parte das autoridades angolanas.

Em conferência de imprensa, em Luanda, na passada sexta-feira, 15 de Novembro, o secretário-geral da UNITA, Vitorino Nhany, referiu que o protesto do próximo dia 23 será o primeiro de uma série de manifestações pacíficas, que deverão ocorrer em todo o país.

O maior partido da oposição apelou à participação de todas as formações políticas na manifestação, que servirá para exprimir a indignação pelos abusos cometidos pelo «regime eduardista».

Este anúncio surge dois dias depois de a Procuradoria-Geral da República de Angola ter divulgado que foram detidas quatro pessoas por suspeitas de envolvimento no sequestro e possível homicídio dos ex-militares Isaías Cassule e António Alves Kamulingue. Os dois activistas foram raptados na via pública em Maio de 2012, quando tentavam organizar uma manifestação de veteranos e desmobilizados contra o Governo de Eduardo dos Santos.

De acordo com Nhany, não existem dúvidas de que o principal responsável pelo assassinato dos dois ex-militares é o detentor do poder executivo em Angola. «Ninguém tem dúvidas que o regime veio a público assumir os raptos e assassinatos dos nossos irmãos, porque sentiu que a verdade veio à tona e foi revelada por alguém da casa», afirmou o secretário-geral do maior partido da oposição.

Na conferência de imprensa, Vitorino Nhany voltou a solicitar ao Presidente José Eduardo dos Santos para renunciar ao cargo, pedido efectuado recentemente pela comissão política da UNITA.

(c) PNN Portuguese News Network

2013-11-18 11:07:08

MAIS ARTIGOS...
  Angola: Eduardo dos Santos nomeia ministros
  Angola: Eduardo dos Santos recebe líder da UNITA
  Angola: Bureau Político do MPLA pede aos jovens promoção da paz
  Presidente do Chade visita Angola
  Angola e Rússia assinam memorando de entendimento
  Angola: Fernando dos Santos participa na reunião da Assembleia Parlamentar da CPLP
  Angola: Georges Chikoti realiza visita à Rússia
  Angola: Aprovado manual para elaboração do OGE 2015
  Angola e China analisam reforço da cooperação
  Angola: Manuel Vicente participa na Cimeira UE-África
  Angola: Eduardo dos Santos recebe ministro alemão
  Angola: Ministro da Defesa realiza visita à Rússia

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:


Comentários
  
joao neves bumba  2013-11-23 08:07:01
ola um dia nao havera o amanha,nem o noite, tanta agancia, tanto odio, DEUS e justica, e paz. ele vai julgar tudo isso.vamos confia em DEUS.

kalunga  2013-11-22 21:45:05
mpla voces sao ipocritas troxas burros equerdo voz nao se endendem entre voz mesmo por isso chega de mentiras o vosso cerebro esta bloqueado canalhas vagabundos estudaram a onde para pensar que manifestacao e guerra saem ja do poder nao servem nem por lixo deixem a unita governar. escreveu o l.b.c.p.

Ex unita  2013-11-19 21:20:54
Manifestação ou provocação seus palermas?
Com ou sem manisfestação a unita será destruida
pelo povo Angolano. O povo Angolano não esquecerá
da vossa brutalidade e crimes contra o povo!...


mpd  2013-11-19 21:15:45
Nós do mpd queremos lá estar, pois o mpd e unita tem um grande laço de amizade. Quem melhor explica isto é o Dr Carlos Veiga. Viva unita!


Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais